NotíciasOutros

Contec completa 62 anos de luta em defesa dos bancários e securitários

SÃO PAULO (28/JULHO/2020) – A Contec de completa nesta terça-feira (28 de julho) 62 anos de luta em defesa dos trabalhadores do sistema financeiro. A diretoria executiva da entidade destaca que o momento atual, apesar da pandemia, é de comemoração. “Comemorar com muito orgulho, as mais de seis décadas de batalhas vencidas, as conquistas de direitos, e a força de uma entidade, que une e agrega e une trabalhadores em torno de seu grande objetivo: buscar melhorias e qualidade de vida para os bancários e securitários brasileiros”, é trecho da nota publicada em seu portal e distribuída às entidades a ela filiadas, entre as quais o Sindicato dos Bancários de Araçatuba e Região.

A trajetória da entidade começou em 1958, quando foi oficializada no Rio de Janeiro (RJ) a criação da Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Empresas de Crédito. Seis anos depois, a entidade sofreu intervenção do Ministério do Trabalho e o então presidente, Aluysio Palhano Pedreira Ferreira, foi preso, torturado e assassinado pelas forças do regime autoritário que dirigiu o País de 1964 até 1985.

Passou por nova intervenção do mesmo Ministério do Trabalho em 1972, quando o presidente era Ruy Brito de Oliveira Pedroza. A intervenção só foi substituída em 1975 por uma Junta Governativa formada por bancários em virtude da visita ao Brasil do diretor-geral da Organização Internacional do Trabalho (OIT), o belga Francis Blanchard.

“Com o restabelecimento da democracia, a Contec passou a ter vida administrativa e política independente, embora ainda padeça de certa “discriminação” por não se vergar a governos, partidos políticos ou patrões. A CONTEC se orgulha de representar os trabalhadores e por isto, realiza negociações e entendimentos republicanos – com todo e qualquer governo legitimamente constituído – continuarão ser realizados, com base na autonomia e independência”, diz a nota publicada no portal. O atual presidente da Contec é Lourenço Ferreira do Prado.

FONTE: Contec

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar